sábado, 13 de abril de 2013

Quem você representa?


Paz galera, estou muito feliz com Deus hoje.
Acabei de chegar de um culto de missões na minha igreja e posso dizer que cada culto desses sou inspirada por Deus de uma forma que nem sei explicar.
Hoje quem ministrou no culto foi o pastor missionário Airton, esse pastor, junto de sua esposa Jaqueline, são os responsáveis pelo cuidado dos missionários ligados a MISPA que é o órgão de missões da Igreja Presbiteriana Renovada do Brasil, igreja essa da qual eu faço parte.
Se você quiser conhecer mais sobre a MISPA e seus projetos missionários é só acessar aqui ( http://mispamissoes.wix.com/mispa).
Bom, o pastor Airton trouxe uma mensagem inspiradora sobre missões e enquanto ele ministrava um tópico da mensagem me chamou atenção.
Então vamos correndo pra Bíblia meus amores e minhas amoras ;)

"e, quando o encontrou, levou-o para Antioquia. Assim, durante um ano inteiro Barnabé e Saulo se reunirão com a igreja e ensinaram a muitos. Em Antioquia, os discípulos foram pela primeira vez chamados de cristãos."
Atos 11:26

Quero enfatizar a ultima parte do versículo: foram pela primeira vez chamados de cristãos.

Essa palavra cristão no grego significa "pequeno Cristo" ou "um Cristo pequeno".
A razão pela qual os discípulos foram assim denominados era porque eles falavam, andavam, ensinavam e viviam da mesma forma que Jesus, comportamento que era resultado do relacionamento íntimo de amizade que os discípulos tinham com Jesus.
Sabe quando andamos muito com uma pessoa, passamos muito tempo com ela e começamos a pegar as manias dessa pessoa? A forma de falar, alguma gíria, ou mesmo a forma de andar ou se vestir, resultado do tempo que dedicamos a essa pessoa. Era assim com os discípulos.
Eles estavam tão parecidos com Cristo que as pessoas os chamaram de pequenos Cristos, o modo de viver dos discípulos era de serem imitadores de Jesus.

Comecei a pensar, será que nos dias de hoje merecemos tal nome? Merecemos mesmo ser chamados de cristãos?
Ser cristão não é apenas um nome que diz as pessoas que você vai a igreja evangélica, é muito mais que isso, é um modo de vida cujo maior objetivo é ser parecido com Jesus.
Se faça essa pergunta, será que as pessoas veem Cristo em mim?
A minha forma de agir, de falar, de pensar, de viver, reflete à imagem de Cristo?
Se a resposta é não então está na hora de rever seus conceitos.
Com o passar dos anos na caminhada cristã, tendemos a desanimar, nos conformar, e assim vivemos de forma fria e sem motivação, mas não foi pra isso que Deus nos chamou, Ele nos convida a ser como Jesus, a  andar como Jesus, a falar como Jesus, a amar como Jesus, a viver como Jesus. Jesus tinha uma missão, Ele viveu e morreu por essa missão (e ressuscitou obviamente), e você, o que tem feito com a missão que recebeu de Deus?
Tem vivido por ela? Ou se tornou um crente prego de igreja cujo único propósito é ocupar os bancos da igreja no culto de domingo?
Não há mais tempo para ficarmos parados, está na hora de colhermos frutos pro Reino de Deus.
Hoje quero te fazer um convite, de voltar ao primeiro amor, de se reencontrar com Deus, de reconstruir sua vida de uma forma que sirva aos propósitos de Deus pra você.
Está na hora de deixar de ser apenas prego de banco, está na hora de servir a Deus com a sua paixão, de viver o seu chamado.
Se você ama cantar, então sirva a Deus e ganhe almas cantando, se você ama pregar, então sirva a Deus e ganhe almas pregando, se você ama fazer teatro, dança \o/ , malabarismos, então sirva a Deus e ganhe almas com os talentos que Deus te deu. Se você ama cozinhar, costurar, limpar a casa, fazer contas, cara não importa, Deus deseja usar a sua paixão para que o Reino dEle seja anunciado.
Há muitas formas de servir ao Senhor na obra, só não trabalha que não tem compromisso ou é preguiçoso porque existe trabalho e espaço para todos.
Está na hora das pessoas olharem para e nós e falarem, "caramba meooo, como aquela pessoa é parecida com Jesus!"
Está na hora de honramos o nome que representamos. Está na hora de ser um pequeno Cristo.
Tem uma musica do Diante do Trono "Corpo de Cristo" que é uma crítica ao modo de viver das igrejas de hoje em dia um trecho da letra que eu gosto muito fala assim:
"Eu quero ver a sua fé em obras, me mostre por favor onde estão os frutos e eu os comerei. Quero ver o seu amor tão cantado, seu discurso encantador, sendo encarnado Cristo em vós."
Que possamos deixar de sermos hipócritas por professarmos algo que não vivemos e comecemos a ser um pequeno Cristo.

Pense: O ponto alto da minha realização é as pessoas enxergarem Cristo em mim.

Bom galera é isso, espero que tenham curtido e quero muito saber a opinião de vocês portanto, comentem pliiiiiiiis.
BjoO 

Shalom Yeshua!

Mas todos nós, com rosto descoberto, refletindo como um espelho a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor.
2 Coríntios 3:18

quinta-feira, 11 de abril de 2013

O que você tem feito?


Paz de Cristo galera.

Estive sem postar esses dias por estar avaliando os últimos acontecimentos e o comportamento da igreja com relação aos fatos.
É notório que no Brasil impera um clima de "guerra" por conta de opiniões a respeito do que tem acontecido com o Marcos Feliciano, ao movimento LGBT, à igreja em geral. Vejo muita intolerância de ambos os lados, preconceito de ambos os lados e todo mundo se fechou tanto nesse assunto que estamos perdendo o foco do que realmente é o nosso papel como cristãos.
É como o pastor Ariovaldo Ramos disse:
"Lamento que haja, entre os cristãos, quem trate a nossa fé como se fosse frágil e necessitada de proteção. Nossa fé foi preponderante na construção do Ocidente, e resistiu às mais atrozes perseguições."

Cheguei a conclusão de que estamos perdendo o nosso foco semana passada quando tive a oportunidade de viver uma grande experiência.
Não sei se todos sabem mas a Cia Jeová Nissi em parceria com a 4U Films, estão gravando um filme chamado Metanóia, o filme fala sobre um rapaz chamado Eduardo (interpretado por Caíque líder da Cia de artes Nissi) que experimenta o crack e se torna refém do vício.
Pois então, na sexta passada eu estive com eles na gravação participando como figurante no filme, foi muito legal poder fazer parte disso, fomos gravar na Cracolândia situada na região da Luz em São Paulo.
Enquanto gravávamos as cenas o movimento na Cracolândia foi me chamando a atenção.
Vi ali um incontável numero de pessoas que durante o dia inteiro iam em busca de drogas, vi ali mulheres que estavam semi nuas vendendo seus corpos em troca de alguns trocados só para sustentarem seu vício, vi ali crianças que não faziam ideia do lugar terrível onde estavam mas que acompanhavam seus pais que por falta de condições não podiam se mudar desse lugar, vi ali adolescentes com cigarros nas mãos, jovens, adultos, velhos, muitas histórias, muitas vidas que estão sendo destruídas por Satanás.
Enquanto gravávamos as cenas o meu coração chorava, meu corpo sentia o peso espiritual que há naquele lugar, meus olhos viam a miséria humana, pessoas cujo único objetivo de vida é consumir algo que lhes trazem destruição.
Comecei a me perguntar.
De quem é a responsabilidade?
Será que é somente dos políticos?

Essas pessoas precisam de mais do que um lugar para se recuperarem, precisam de mais do que sair da Cracolândia, elas precisam de vida. Nós, cristãos, somos os portadores das boas novas, nós conhecemos a vida, JESUS, cabe a nós a responsabilidade de compartilhar a vida com aqueles que apenas sobrevivem.

Nos últimos dias tenho visto crentes brigando nas redes sociais por defenderem um ponto de vista, mas nunca na palavra iremos encontrar alguém dizendo que a palavra de Deus precisa de defesa, que Deus precisa de defesa. Sabe porque? Porque Ele não precisa, a palavra do Senhor nos diz que ninguém pode intentar acusação contra nós porque é Ele quem nos justifica (Romanos 8:33). Não importa quantas pessoas se levantem para tentar destruir as verdades ensinadas por Deus, a palavra dEle é viva e nunca vai passar (Mateus 24:35), o que devemos fazer é parar de brigar e começar a fazer o que Deus nos chamou para fazer, compartilhar a vida.
Existem 4 bilhões de pessoas nesse mundo que nunca ouviram falar de Jesus, existem drogados, doentes, homicidas, pessoas com tendências suicidas, prostitutos e tantos outros que precisam conhecer a Cristo, somente Ele tem o poder de converter o homem, somente Ele tem o poder de convencer o homem do pecado, não cabe a nós esse papel, o que cabe a nós é falar do amor de Deus e orar para que a palavra ministrada encontre solos férteis para o bom crescimento.

Por isso, quero te convidar a orar, pedindo pra que Deus use as nossas vidas como canal de bençãos por onde passarmos, que Deus nos use como a manifestação do amor dEle.

Espero que esse post tenha te levado a refletir, e oro pra que as pessoas nos vejam como os filhos de Deus.

A natureza criada aguarda, com grande expectativa, que os filhos de Deus sejam revelados.
Romanos 8:19

Bom galera é isso, aguardo comentários, até o próximo post!!!

BjoO 

Shalom Yeshua.

Foto tirada na Cracolândia na gravação do Metanóia, de blusa verde com listra brancas está o Caíque líder da Cia Jeová Nissi e o resto da galera são eu os outros figurantes do filme.

Carta de Deus aos Solteiros