terça-feira, 19 de março de 2013

Um coração cheio de amor


Paz de Cristo galera!!!
O post de hoje não tem nada haver com romance :P mas sim tem haver com amor e serviço.
Sábado passado teve treinamento de líderes na minha igreja, e o pastor que ministrou para a liderança trouxe uma palavra que me impactou profundamente...

Antes de mais nada gostaria de compartilhar com vocês um versículo de Gênesis 29:20.
"Então Jacó trabalhou sete anos por Raquel, mas lhe pareceram poucos dias, pelo tanto que a amava."

Todas as vezes que ouvi alguém escrever ou falar sobre esse texto, geralmente era pra falar sobre espera, sobre amor mas hoje quero falar sobre serviço no Reino.

Parem e pensem um pouco. Até onde um coração incendiado de amor é capaz de ir na obra?

Sabe, enquanto o pastor pregava eu começava a refletir sobre isso.
Quando somos novos convertidos estamos dispostos a tudo para servir.
Desde ajudar no louvor até lavar banheiro.
Nos dispomos a comprar coisas para a decoração de algum evento na igreja, somos os primeiros a chegar nos ensaios, nos cultos.
Quando convidamos um amigo pra ir ao culto conosco, não sossegamos enquanto esse amigo não vai!
Quando se fala de evangelismo, somos os primeiros a levantar a mão nos oferecendo a ir.

Mas daí o tempo vai passando e esse desejo de se dispor no Reino vai acabando.
Ir aos ensaios (mesmo sabendo que é pra darmos o nosso melhor) acaba se tornando um fardo.
Quando se fala de limpar a igreja ninguém se habilita mais.
Quando é pra ajudar em algum evento na igreja, só topa se for pra ficar em um lugar de destaque.
"Não nasci pra isso, Deus não me deu esse talento." São as palavras que usamos pra nos livrar de alguma obrigação.
Se chamamos alguém pra ir ao culto conosco e a pessoa diz não na primeira vez, acabamos por desistir enchendo a nossa boca pra dizer: "Fiz a minha parte!"
Tem alguns irmãos que levam aquela passagem de que "Deus habita em meio aos louvores" de forma literal, pois o irmãozinho ou a irmãzinha só chega no culto no meio do louvor.
E depois todo mundo levanta a mão como cara de santo e diz... "Eu amo a Jesus!"
Ama mesmo?

Olha pra história de Jacó, ele serviu por sete anos pra poder se casar com Raquel e a paixão com que ele trabalhava era tão grande que a bíblia nos diz que esses anos pareceram poucos dias de tanto que Jacó amava a Raquel.
Pior é que ao fim de sete anos Jacó foi enganado por seu sogro e recebeu Lia como esposa, e então ele teve que trabalhar por mais sete anos até finalmente se casar com a mulher que amava.
Jacó não se deixou abater quando os seus planos deram errado, ele começou tudo de novo pois ele AMAVA a Raquel.
Muitas vezes nós dizemos que amamos a Deus mas não somos mais capazes de trabalhar com amor na obra.
Na primeira dificuldade nos deixamos abater e desistimos.

Mas quero dizer algo, o que vale diante de Deus não é o que dizemos quando cantamos ou oramos, e sim a nossas atitudes.
Jacó não disse que amava Raquel apenas por palavras mas também por ações, ele demonstrou seu amor por ela trabalhando durante 14 anos para se casar com ela.

Na obra de Deus o que não falta é serviço.
Todos nós somos chamados para testemunhar a Cristo entre os povos e ser a manifestação da Glória de Deus por onde nós passarmos.
Porém deixamos que as coisas dessa vida nos tirem o amor pelas coisas do Reino, nos apegamos as coisas nesse mundo e nos esquecemos que nossa vida é para a eternidade, não nascemos pra viver somente num mundo corrompido, nascemos para viver pela eternidade ao lado de Jesus, mas deixamos que o mundo se torne a nossa prioridade e nos esquecemos de nosso lar eterno.
Galera, temos a responsabilidade de compartilhar com o mundo a respeito desse Reino eterno, temos a responsabilidade de falar do amor de Jesus a todos os povos. Mas quando olho paras as igrejas vejo apenas crentes egoístas que estão em busca de conforto nessa terra e não se importam em servir no Reino.
Deus não nos chamou para ficarmos sentados, Ele nos chamou para testemunhar a Ele. Ele nos convida para uma vida de serviço a Ele.
Temos que estar dispostos a pagar o preço que for necessário para viver 100% do que Deus deseja e sonha para cada um de nós.

Por isso te convido a repensar sua vida, pergunte a você mesmo: "Será que tenho gastado a minha vida em prol do Reino e da obra de Deus?"
Se a resposta é não, está na hora de rever seus conceitos, está na hora de voltar ao primeiro amor.
Pense nas muitas almas que partem para a eternidade todos os dias, e quantas dessas almas vão para o inferno.
Só de pensar nisso sinto uma vontade enorme de chorar pois cabe a igreja, que um dia conheceu a Jesus, a responsabilidade de anunciar a salvação.
E você? O que tem feito?
Tem deixado que seus problemas sejam maiores que sua missão?

Está na hora de agirmos como Jacó, trabalhar movidos pelo amor.

Espero que essa mensagem te confronte e leve a uma mudança de vida assim como tem sido comigo.

Até o próximo post galera!!!

bjoO

Shalom Yeshua!

Carta de Deus aos Solteiros